Cancelamento

Não julgueis, para que não sejais julgados;[1]

Como eles insistissem na pergunta, levantou-se e disse-lhes: Aquele que dentre vós está sem pecado, seja o primeiro que lhe atire uma pedra.[2]

Charles BoycottWikipedia's W.svg, epônimo da palavra "boicote"

Cancelamento, no português propriamente dito, é o ato de anular ou desfazer uma ação, contrato, projeto, etc. No entanto, graças à maravilhosa cultura da internet, o termo foi recentemente estuprado e recebeu um significado totalmente novo: que é o de boicotar alguém moral e financeiramente, além de humilhar, fazer exposed e constranger o alvo sem dó, tudo porque a pessoa falou alguma merda politicamente incorreta; à popularização dessa prática se dá o nome de cultura do cancelamento (cancel culture em inglês). Também é conhecido como assassinato de reputações ou linchamento virtual. Assim como ocorre IRL, as provas do crime são opcionais.

O termo é novíssimo, tendo surgido somente em 2019, embora a prática remonta aos primórdios dos influenciadores políticos na internet.

CríticaEditar

A cultura do cancelamento é uma coisa boa, pois permite que as massas tenham voz na manutenção de padrões que os poderes vigentes talvez não estejam dispostos a impor. Esse benefício também é uma faca de dois gumes, pois pode degenerar na oclocracia sobre as menores ofensas. A menos que você seja filho de Deus[3], nenhum homem não tem um esqueleto em seu armário. Sempre há algo no passado de um homem para se envergonhar; a menos que aponte para um problema sistemático, é mais saudável que todos perdoem os acusados ​​e prossigam.

 

ClassismoEditar

O ato de cancelar alguém geralmente é cometido por um branco da classe alta em relação a alguém de status social mais baixo que talvez não possua a educação ou status para manter a consciência da aceitabilidade social. Combinado com o modo como o cancelamento raramente é direcionado a indivíduos responsáveis pela perpetuação de sistemas (de racismo e fanatismo), a cultura de cancelamento é criticada por ser mais classista e sádica do que eficaz.

Galeria de cancelamentosEditar

Ver tambémEditar

Salsa

  1. Mateus 7:1
  2. João 8:7
  3. Realmente comprometendo-se com o tema bíblico aqui.