Abrir menu principal

Wikinet β

Whindersson Nunes

Whindersson Nunes
Whin whin.jpg
Whindersson Nunes provando que seu tratamento dentário deu realmente certo
Nome completoWhindersson Nunes Batista
Nascimento05/01/1995 (24 anos)
OcupaçãoVlogger
Logo do YouTube transparente.png Canalwhinderssonnunes
Logo do YouTube transparente.png Nº de inscritos36,1 milhões
Outros linksInstagram
Twitter
Facebook

Whindersson Nunes Eike Batista é um youtuber (na verdade, não só isso, mas o youtuber BR com mais inscritos), que acha que é humorista e ocasional mau cantor. Atualmente, seu canal conta com mais de 25 milhões de inscritos (imagina se ele fizesse vídeos em inglês, ia ultrapassar o PewDiePie). Usa de seu sotaque nordestino como uma das formas[1] de fazer humor em seus vídeos, dando a impressão de que é carismático, mas é apenas um nordestino que tira sarro de si mesmo.

Índice

Biografia

 
Sua mãe, seu cachorro e a casa onde Whindersson viveu, na área nobre da cidade mais desenvolvida do Piauí (melhor do que a casa do prefeito da cidade, inclusive).

Nasceu no sertão do Piauí, um local sofrido e atingido pela seca. Trabalhou como garçom por um tempo, até fazer um vídeo chamado "Alô Vó, Tô Reprovado", paródia de uma música merdosa qualquer que estava sendo sucesso em 2012. Aí, depois, começou a fazer vídeos pra valer e, então, o sucesso logo o atingiu. Hoje em dia, virou as costas para seus amigos pobres e só se apresenta pra quem tem condição de pagar os ingressos pra ver o seu show de merda.

Estilo

Whindersson faz vídeos sobre temas bobos e pertinentes para os jovens, usando de gírias e outros mecanismos, para que os garotos com idade mental menor de 10 anos se sintam identificados, deixem seu joinha e se inscrevam.

Casamento

Depois de levar sua namorada de jatinho (sim, ele tem mesmo um jatinho) trocentas vezes para as maiores cidades do Brasil, ela aceitou se casar com ele. O seu casamento, numa praia do Nordeste, teve convidados como Paul McCartney, Donald Trump, rainha Elizabeth, o papa Francisco e o Lula (que passou mal de tanto beber cachaça na festa).

Referências

  1. Na verdade, a única

Ligações externas